Fora do UFC por conta de acidente, Aldo pede desculpas aos fãs

quarta-feira, 12 de setembro de 2012 Marcadores:

O corte do UFC 153 abateu José Aldo. Na noite desta terça-feira, horas depois de o presidente Dana White confirmar que o brasileiro não defenderá o cinturão da categoria dos penas no Rio de Janeiro, em 13 de outubro, o lutador escreveu no Twitter sobre o assunto, lamentando a lesão que impedirá o esperado confronto diante de Frankie Edgar, antigo campeão dos leves.

"Meus fãs, venho pedir desculpas a todos por não lutar. Queria muito, mas não deu. Tentei até o último. Estou muito triste", garantiu José Aldo, pouco depois da confirmação da mudança. "Tentei de tudo, até o último segundo, para estar dentro do octógono, mas não deu. Espero que o UFC mantenha o adversário, e que adie esse encontro, porque quero muito enfrentá-lo", afirmou o atleta, em comunicado oficial.

A lesão no pé que tira o brasileiro da principal luta do UFC 153 é consequência de um acidente sofrido pelo campeão na semana passada. José Aldo caiu de motocicleta no Rio de Janeiro e precisava passar por exames essa semana para confirmar a participação no evento.

Entretanto, nesta terça-feira, no primeiro treino de sparring após o acidente, José Aldo sentiu dores no calcanhar do pé direito. Durante a atividade, o lutador encontrou dificuldades para se apoiar em meio à movimentação. Tal limitação obrigou o técnico Dedé Pederneiras a tomar a decisão de desistir do combate.

"Os ferimentos que teve já estão quase todos cicatrizados, mas o pé direito ficou bem inchado, e hoje, quando ele fez o primeiro treino de sparring, não conseguia apoiar bem o pé no chão, por causa da dor. Por causa da imensa vontade dele e nossa de que essa luta contra o Edgar acontecesse, tentamos forçar um pouco a barra, mas depois do treino conversamos e vimos que ele não tinha condições de treinar para a luta", disse Dedé.

0 COMENTÁRIOS:

 
Informe Geral Itabuna © 2013 | Traduzido Por: Template Para Blogspot