Um dos 3 bandidos mortos em confronto no Paraguai era natural de Vitória da Conquista

Na noite de segunda-feira (24), por volta das 20h, o Instituto Médico Legal de Foz do Iguaçu identificou o primeiro, dos três corpos que deram entrada no IML após o confronto armado entre assaltantes que teriam realizado o maior roubo da história no Paraguai.

O grupo armado teria realizado o roubo a sede da empresa Prossegur em Ciudad Del Este, no Paraguai, matando um policial paraguaio, fugindo para o Brasil pelo Lago de Itaipu. Já nas imediações da cidade de Itaipulândia, Paraná, o grupo armado teria trocado tiros com policiais federais do NEPOM, desencadeando uma mega operação das policias federais, militares e civis.
No confronto armado, três assaltantes fortemente armados morreram. Até o momento no IML foi identificado o corpo de Dyego Santos Silva, de 29 anos de idade, natural de Vitoria da Conquista, no sudoeste baiano.

Comentários