Sport não entra em acordo com Luxa e já busca plano B; Jorginho é o preferido

O sonho da diretoria do Sport de contar com o técnico Vanderlei Luxemburgo para dirigir a equipe na Série A do Campeonato Brasileiro deste ano acabou. Depois de demitir Ney Franco na quarta-feira, ir até São Paulo na quinta-feira para se reunir com Luxa e mostrar otimismo, os rubro-negros encerram a negociação na manhã deste domingo depois de ouvirem do treinador que por uma decisão da família, ficará mais um tempo parado.

Vandelei Luxemburgo era a primeira e única opção do Sport até o momento, que até já tinha desenhado uma lista com outros nomes possíveis, mas não chegou a abrir negociação com ninguém. O presidente Arnaldo Barros comentou que o nome de Luxemburgo era um dos, mas não o único.

Sem Luxemburgo, o Sport agora começa a busca pelas outras opções. O nome preferido da diretoria é o do técnico Jorginho, ex-Vasco e que está sem clube desde o final do ano passado.
Enquanto busca um novo treinador, o Sport vai sendo dirigido pelo interino Daniel Paulista, que foi o treinador oficial do time no início da temporada, mas voltou ao cargo de auxiliar com a chegada de Ney Franco.

O Leão joga contra o Grêmio neste domingo, às 18h, e a ideia da diretoria era que Luxemburgo já assistisse a partida na Ilha do Retiro e estreasse na próxima quarta-feira, contra o Botafogo.

Comentários