Empresário sai para programa sexual e acaba apanhando após descobrir que estava com travestis

Os travestis Samuel Ferreira Gonçalves, 23, a “Suzy Mel”, e Luan das Graças Pinto, 17, mais conhecido como “Baby Marquezine”, foram presos em flagrante, acusados de agressão física e roubo, nessa segunda-feira à tarde, na Zona Norte de Manaus.

Elas participaram de um programa sexual com um homem de 40 anos, que no começo não sabia que tinha procurado orgia com dois travestis dentro de seu próprio carro, mas quando descobriu que estava se beijando e se abraçando com dois homens e não duas mulheres como acreditava, ficou indignado.

Disse que não ia pagar o valor acertado pelo programa sexual e em seguida mandou que “Suzy Mel” e “Baby Marquezine” descessem imediatamente de seu carro.

Foi então que começou uma briga entre eles, com muitos murros, tapas e gritaria.

Sozinho, o homem levou desvantagem e acabou sendo roubado. Os travestis fugiram do local levando todo o seu dinheiro, relógio, um cordão de ouro, cartões de crédito, telefone celular e a carteira porta-cédulas com todos os seus documentos.
Policiais da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados pelo homem, que até onde se sabe é um microempresário, e com ajuda dele a guarnição conseguiu localiar os travestis na mesma área quando ainda fugiam com tudo o que foi roubado do “cliente enganado”.

Na Delegacia, os homossexuais se defenderam dizendo que chegaram a fazer sexo com o cliente e resolveram pegar tudo o que ele tinha, quando ele disse que não ia pagar pelo programa, porque queria curtir com mulheres e não com “boiolas”, segundo linguagem usada por eles.

Os travestis foram autuados e encaminhados para audiência de custódia.

Comentários