Helicóptero faz pouso forçado na orla de São Conrado, na Zona Sul do Rio

Um helicóptero fez um pouso forçado, na manhã desta sexta-feira, na orla de São Conrado, na Zona Sul do Rio. De acordo com relatos de testemunhas, a aeronave transportava quatro pessoas. Ninguém ficou ferido.

O helicóptero pousou na mesma área onde aterrizam praticantes de voo livre. Ainda não se sabe o que motivou o pouso forçado, mas pessoas que estavam no local disseram ao GLOBO que a aeronave foi alvo de um tiro e que, assustados, piloto e passageiros optaram por aterrizar.

Caminhando pelo calçadão da Praia de São Conrado, o professor Rafael Silva presenciou o pouso forçado da aeronave, por volta das 10h. Segundo ele, a aeronave desceu com barulho estranho.

— Cheguei perto para ver e estava vazando óleo na parte do motor. Tem um furo na hélice traseira muito parecido com marca de tiro. O piloto foi questionado pelos curiosos se tinha visto a marca, e ele disse que não. A sorte é que ninguém se feriu. Foi um susto — conta.
Ainda de acordo com o relato de outra pessoa que estava no local e pediu para não ser identificada, o piloto contou que estava passando pelo Vidigal quando o rotor do helicóptero começou a tremer muito, obrigando o pouso forçado.

— No helicóptero realmente tem um rasgo no rotor de cauda que fica na parte de trás da aeronave — contou.

Como a aeronave está desligada, não há risco para os esportistas, que continuam utilizando a área normalmente. O Corpo de Bombeiros informou que não foi acionado.

Comentários