Policial militar atira em motoboy durante discussão de trânsito

O motoboy Manoel Fiel de Sousa, 32 anos, foi baleado na perna durante uma discussão de trânsito nesta sexta-feira (7), no bairro da Sete Portas, em Salvador. O autor do disparo foi um policial militar. O PM alegou legítima defesa e disse que reagiu porque a vítima agiu como se fosse sacar uma arma. 

Segundo a polícia, a confusão aconteceu por volta das 15h30. Manoel saiu da empresa onde trabalha como motoboy, no bairro do Comércio, e estava transitando em uma motocicleta Honda, preta, pela rua Cônego Pereira, a principal via do bairro, quando cruzou com o PM. O militar estava em um carro que não teve o modelo divulgado.

A Polícia Militar não deu detalhes da ocorrência e Manoel também não contou para os investigadores da Polícia Civil o que provocou a discussão entre ele e o PM. No boletim do Hospital Geral do Estado (HGE), para onde ele foi socorrido, consta que os dois iniciaram uma discussão de trânsito que terminou em briga.

Durante a confusão, o policial sacou a arma e atirou contra Manoel. A bala atingiu a coxa direita do motoboy, que foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o HGE. O estado de saúde dele não foi divulgado. 

Em nota, a Polícia Militar informou que o policial agiu em legítima defesa e reagiu porque Manoel fez menção de puxar uma arma. Depois que o motoboy foi baleado, o PM permaneceu no local e acionou uma guarnição da 2ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/ Barbalho). A viatura escoltou a ambulância até o hospital e, em seguida, levou o policial até a 1ª Delegacia (Barris), onde o caso foi registrado.

Comentários