Conmebol pune Universidad de Chile com três jogos sem torcida como visitante

A confusão com torcedores da Universidad do Chile na partida de ida com o Corinthians pela Copa Sul-Americana não passou impune. A Conmebol decidiu nesta terça-feira pela punição de três jogos aos chilenos sem poder ter torcedores quando forem visitantes em competições continentais. Além disso, a La U terá que pagar uma multa de US$ 80 mil (cerca de R$ 250 mil).

Após os incidentes, a diretoria da Universidad de Chile já havia se comprometido em pagar todos os danos causados na Arena Corinthians. Segundo o jornal La Tercera, o prejuízo somou 15 milhões de pesos chilenos (mais de R$ 70 mil) por conta das cadeiras quebradas e dos banheiros e vidros destruídos pelos seus torcedores.

Na ocasião, torcedores da Universidad de Chile e policiais entraram em conflito antes da partida e durante o intervalo. Eles quebraram cadeiras da Arena Corinthians e arremessaram no setor destinado aos torcedores brasileiros e na PM, que responderam com violência. Dezenas de chilenos acabaram retirados das arquibancadas no início do segundo tempo. Depois do jogo, 26 torcedores foram presos.

O jogo de volta entre Corinthians e Universidad de Chile pela Copa Sul-Americana acontece nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Santiago. No duelo de ida, os paulistas venceram por 2 a 0.

Comentários