Mãe que fazia festas para facilitar estupro de filhas de 12 e 13 anos é presa

Três pessoas foram presas nesta quarta-feira (2) em Jeremoabo, norte da Bahia, acusadas de estupros de duas adolescentes, de 12 e 13 anos, incluindo a mãe das garotas. Segundo a Polícia Civil, Bernadete Alves de Menezes promovia festas em sua casa, facilitando o abuso sexual contra as meninas. Além dela, foram presos Adriano Santos Nascimento, companheiro de Bernadete, e o primo dele, Benival Santos Ferreira. 

Segundo o delegado Ailton José de Souza, titular de Jeremoabo, as duas garotas eram vítimas de estupros há dois anos por parte de Adriano e do primo. A mãe sabia de tudo e era conivente.

Além disso, Bernadete organizava festas com bebidas alcoólicas em sua casa e deixava as filhas expostas, à mercê dos abusadores. 

Os três foram autuados por estupro de vulnerável, pela Lei Maria da Penha e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Os três foram encaminhados ao presídio de Paulo Afonso e as garotas ficaram sob cuidados do Conselho Tutelar de abo.

Comentários